PESSOAS DIFÍCEIS: DICAS

Lidar com pessoas irracionais ou situações arriscadas pode ser desafiador, mas existem técnicas comprovadas que podem ajudar a gerenciar melhor essas situações.

A desescalada verbal é uma técnica importante para lidar com pessoas difíceis e potencialmente explosivas em várias situações, incluindo em hospitais, no trabalho, ou mesmo em situações pessoais. Aqui estão algumas dicas e técnicas que podem ajudar a gerenciar essas situações de forma mais eficaz.

Entender e aplicar técnicas de intervenção em crises pode ser útil em uma variedade de situações, desde conflitos no trabalho até desentendimentos com membros da família ou estranhos. .

  1. Ouvir. Ouvir é o passo número um para lidar com pessoas “irracionais”. Todo mundo quer se sentir ouvido. Nenhum progresso pode ocorrer até que a outra pessoa se sinta reconhecida. Enquanto você ouve, concentre-se realmente no que a outra pessoa está dizendo, não no que você quer dizer a seguir.
  2. Fique calmo. Quando uma situação é emocionalmente carregada, é fácil se deixar levar pelo calor do momento. Monitore sua respiração. Tente respirar lenta e profundamente.
  3. Não critique. Você não sabe o que a outra pessoa está passando. Provavelmente, se uma pessoa está agindo de forma irracional, ela provavelmente está sentindo algum tipo de vulnerabilidade ou medo.
  4. Refletir respeito e dignidade para com a outra pessoa. Não importa como uma pessoa o trate, mostrar desprezo não ajudará a resolver a situação de forma produtiva.
  5. Procure a necessidade oculta. O que essa pessoa está realmente tentando ganhar? O que essa pessoa está tentando evitar?
  6. Procure outras pessoas ao seu redor que possam ajudar. Se você estiver no trabalho e houver um cliente irado, verifique rapidamente se há um colega por perto.
  7. Não exija conformidade. Por exemplo, dizer a alguém que está chateado para ficar quieto e se acalmar só vai deixá-lo irado. Em vez disso, pergunte à pessoa por que ela está chateada – e deixe-a desabafar.
  8. Dizer “eu entendo” geralmente piora as coisas. Em vez disso, diga: “Conte-me mais para que eu possa entender melhor”.
  9. Evite sorrir, pois pode parecer que você está zombando da pessoa. Às vezes pode aliviar o clima, mas na maioria das vezes é arriscado e pode sair pela culatra.
  10. Não aja defensivamente. Isso é difícil. Naturalmente, você não gosta que a outra pessoa diga coisas desagradáveis ​​ou coisas que você sabe que não são verdadeiras. Você vai querer se defender. Mas a outra pessoa está tão emocionalmente acelerada que isso não vai ajudar. Lembre-se, isso não é sobre você. Não leve isso para o lado pessoal. (Eu sei, mais fácil falar do que fazer.)
  11. Não retribua com raiva. Levantar a voz, culpar ou falar desrespeitosamente com a outra pessoa irá adicionar combustível a uma situação já acirrada. Use uma voz baixa, calma e até monótona. Não tente falar sobre a pessoa. Espere até que a pessoa respire e depois fale.
  12. Não discuta nem tente convencer a outra pessoa de nada.
  13. Mantenha espaço extra entre você e a outra pessoa. Seu instinto pode ser tentar acalmar a outra pessoa colocando seu braço sobre ela ou algum outro gesto semelhante que possa ser apropriado em outros contextos. Mas se alguém já estiver chateado, evite o toque, pois pode ser mal interpretado.
  14. Dizer “sinto muito” ou “vou tentar consertar isso” pode ajudar muito a neutralizar muitas situações.
  15. Estabeleça limites e limites. Embora algumas das dicas acima tenham encorajado ouvir e deixar a pessoa irritada desabafar, você também tem o direito de ser acretivo e dizer: “Por favor, não fale assim comigo”.
    Depois você também pode gostar: Respiração 4-7-8
  16. Confie nos seus instintos. Se seu instinto está dizendo que isso está piorando rapidamente, esteja pronto para fazer o que for necessário para permanecer seguro. Procure uma estratégia de saída.
  17. Uma resposta não serve para todos. Você tem que permanecer flexível. Embora estas diretrizes tenham provado ser eficazes na redução de situações difíceis, cada pessoa é única e pode reagir de forma diferente.
    SESSÃO DE TERAPIA ONLINE.SAIBA MAIS:
  18. Questionário. Depois que a situação passar, converse com alguém sobre o que aconteceu.
  19. Descarregue sua própria ansiedade. Você teve que suspender suas reações naturais por um tempo. Agora é a hora de descarregar um pouco da adrenalina reprimida. Ir correr. Leve seu cachorro para passear. Não deixe que as emoções fiquem presas em seu corpo.
    Você também pode gostar: Abraçando suas mudanças
  20. Dê a si crédito por passar por uma situação desconfortável. É preciso muita energia para não agir como um idiota quando alguém está se comportando mal. Não pule esta etapa!




Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *