A palavra agorafobia significa medo de espaços abertos; no entanto, a essência da agorafobia
é o medo de ataques de pânico.

Se você sofre de agorafobia, tem medo de estar em situações
das quais a fuga pode ser difícil – ou nas quais

a ajuda pode não estar disponível – se você de repente teve um ataque de pânico. Você pode
evitar mercearias ou rodovias, por exemplo, não tanto por suas características inerentes,
mas porque são situações das quais a fuga pode ser difícil ou embaraçosa em caso de
pânico. O medo do constrangimento desempenha um papel fundamental.

A maioria dos
agorafóbicos teme não apenas ter ataques de pânico, mas também o que as outras pessoas
vão pensar caso sejam vistos tendo um ataque de pânico.

Locais públicos lotados, como mercearias, lojas de departamentos ou restaurantes.

Locais fechados ou confinados, como túneis, pontes ou a cadeira do cabeleireiro.

Transporte público, como trens, ônibus, metrô ou aviões

Estar em casa sozinho

Talvez a característica mais comum da agorafobia seja a ansiedade de estar longe de
casa ou longe de uma “pessoa segura” (geralmente seu cônjuge, parceiro, pai ou mãe ou
qualquer pessoa com quem você tenha um apego primário).

Você pode evitar completamente
dirigir sozinho ou pode ter medo de dirigir sozinho além de uma certa distância curta de casa.
Em casos mais graves, você pode andar sozinho a apenas alguns metros de casa ou pode
ficar totalmente preso em casa.

Se você tem agorafobia, você não só tem fobia em relação a uma variedade de situações,
mas tende a ficar ansioso a maior parte do tempo. Essa ansiedade surge da antecipação de
que você pode ficar preso em uma situação na qual entraria em pânico. O que aconteceria,
por exemplo, se lhe pedissem para ir a algum lugar que normalmente evita e tivesse que
explicar como sair dele?

Ebook: Ansiedade e pânico de um jeito que você entende para profissionais ou não
https://www.janiopsicanalista.com/ebooks

Ou o que aconteceria se de repente você fosse deixado sozinho?
Devido às severas restrições em suas atividades e vida, você também pode estar deprimido.
A depressão surge de se sentir dominado por uma condição sobre a qual você não tem
controle ou que é impotente para mudar.

Se você tem agorafobia, você não só tem fobia em relação a uma variedade de situações,
mas tende a ficar ansioso a maior parte do tempo. Essa ansiedade surge da antecipação de
que você pode ficar preso em uma situação na qual entraria em pânico. O que aconteceria,
por exemplo, se lhe pedissem para ir a algum lugar que normalmente evita e tivesse que
explicar como sair dele?

Ou o que aconteceria se de repente você fosse deixado sozinho?
Devido às severas restrições em suas atividades e vida, você também pode estar deprimido.
A depressão surge de se sentir dominado por uma condição sobre a qual você não tem
controle ou que é impotente para mudar.

A agorafobia, na maioria dos casos, parece ser gerada pelo transtorno do pânico. No
início, você simplesmente tem ataques de pânico que ocorrem sem motivo aparente
(transtorno do pânico).

Sessão de terapia Online www.janiopsicanalista.com

Depois de um tempo, porém, você percebe que seus ataques ocorrem
com mais frequência em situações confinadas fora de casa ou quando você está sozinho.
Transporte público, como trens, ônibus, metrô ou aviões etc…
Você pode gostar

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *